domingo, 24 de março de 2013

EXERCICIOS DE SOCIOLOGIA PARA ESTUDO 3º ANOS E.E. RUI BARBOSA 24/03/13


EXERCÍCIOS DE FIXAÇÃO

 
O Mercosul é um processo de integração econômica regional que objetiva a construção de um
 
01)  O objeto do Estudo do Direito Constitucional é:
a)o povo;
b)      o Estado;
c)a Constituição;
d)     a política;
e)o governo.
 
02)  A República Federativa do Brasil tem como forma de Estado:
a)Estado Democrático de Direito;
b)      Estado Federal;
c)Estado Unitário;
d)     Estado Republicano.
 
03)  Das definições abaixo, apenas uma não é aceitável para a Constituição:
a)Conjunto de normas que organiza os elementos constitutivos do Estado;
b)      Conjunto de normas que, por sua especial importância, podem ser alteradas tanto por quorum especial quanto por maioria simples;
c)Lei fundamental do Estado;
d)     Conjunto de normas fundamentais que regula a atribuição e o domínio do Poder Público, bem como os direitos fundamentais do indivíduo;
e)Estatuto básico para a existência do Estado e que contém toda a estrutura organizacional de uma nação organizada.
 
04)  Assinale a alternativa incorreta, em relação à Constituição atual:
a)A forma federativa de Estado se constitui em cláusula pétrea;
b)      O regime de governo Presidencialista não se constitui em cláusula pétrea;
c)O Município não é entidade federativa.
d)     A soberania é um dos princípios fundamentais da República Federativa do Brasil;
e)A República, enquanto forma de governo adotada pela Constituição atual, não se constitui em cláusula pétrea.
 
05)  A Constituição Federal adota o sistema de tripartição dos poderes. Diante disso, assinale a alternativa correta:
a)A relação entre o Poder Executivo e o Poder Legislativo traduz a forma de Estado adotada pela República Federativa do Brasil;
b)      Todas as entidades federativas possuem os três poderes;
c)Os Poderes da união são interdependentes e harmônicos entre si;
d)     Além das funções típicas, cada Poder pode exercer funções atípicas por deferência do texto constitucional;
e)Através de emenda à Constituição é possível a supressão do supracitado sistema.
 
06) A República, Federação e Presidencialismo são, para a Constituição de 1988, respectivamente:
a)Forma de Governo, Forma de Estado, Sistema de Governo.
b)      Forma de Estado, Sistema de Governo, Regime de Governo.
c)Sistema de Governo, Regime de Governo, Forma de Estado.
d)     Forma de Estado, Regime de Governo, Sistema de Governo.
e)      Sistema de Governo, Forma de Estado, Sistema de Estado.
 
07)  O Estado Federativo tem como características principais:
a)      Eletividade dos mandatários e temporalidade dos mandatos.
b)      Soberania e autonomia dos entes federados.
c)      Divisão de competências entre os entes federados e participação dos Estados-membros nas decisões nacionais.
d)     Representatividade dos mandatários e soberania popular.
e)      Relação rígida entre o Poder Executivo e o Poder Legislativo.
 
08)  O Governo Republicano tem como traços distintivos:
a)      O acesso do povo ao poder.
b)      A divisão de competências entre as entidades federativas.
c)      A eletividade dos mandatários e a transitoriedade dos mandatos eletivos.
d)     A vitaliciedade e a hereditariedade.
e)      A centralização das decisões políticas e administrativas.
 
09)  A República Federativa do Brasil se constitui em:
a)      Estado Republicano de Direito.
b)      Estado Federativo de Direito.
c)      Nação Democrática de Direito.
d)     Estado Democrático de Direito.
e)      Estado Popular de Direito.
 
10)  São fundamentos da República Federativa do Brasil:
a)      A soberania, a autodeterminação dos povos, a cidadania, a igualdade entre os Estados.
b)      A cidadania, a dignidade da pessoa humana, a solução pacífica dos conflitos, a soberania.
c)      A soberania, a cidadania, a dignidade da pessoa humana, os valores sociais do trabalho e a livre iniciativa e o pluralismo político.
d)     A soberania, a cidadania, a dignidade da pessoa humana, os valores sociais do trabalho e a livre iniciativa e o pluripartidarismo.
e)      Todas as respostas anteriores estão corretas.
 
11)  Segundo a atual Constituição, o poder é exercido pelo povo:
a)      Exclusivamente por representantes eleitos.
b)      Por representantes eleitos e nomeados.
c)      Exclusivamente por representantes nomeados.
d)     Por representantes nomeados ou diretamente.
e)      Por representantes eleitos ou diretamente.
 
12)  Não constitui fundamento da República Federativa do Brasil:
a)      A soberania.
b)      O pluralismo político.
c)      A cidadania.
d)     A igualdade entre os Estados.
e)      A dignidade da pessoa humana.
 
13)  O plebiscito realizado no dia 21 de abril de 1993 teve como assunto:
a)      Forma de Estado e Forma de Governo.
b)      Forma de Governo e Regime de Governo.
c)      Regime de Governo e Regime Político.
d)     Forma de Governo e Forma de Estado.
e)      Regime Político e Sistema de Estado.
 
14)  Dentre outros, constitui objetivo fundamental da República Federativa do Brasil:
a)      Construir uma sociedade desenvolvida.
b)      Garantir uma sociedade justa.
c)      Erradicar a pobreza e a marginalização.
d)     Extinguir as desigualdades sociais.
e)      Extinguir qualquer forma de discriminação.
 
15) As relações internacionais da República Federativa do Brasil são regidas pelos princípios:
a)      Da autodeterminação dos povos e da defesa da paz.
b)      Da independência nacional e repúdio ao terrorismo e ao racismo.
c)      De solução pacífica dos conflitos e prevalência dos direitos humanos.
d)     De concessão de asilo político e não intervenção.
e)      Todas as alternativas estão corretas.
 
16)  Constitui objetivo fundamental da República Federativa do Brasil, no plano internacional:
a)      construir uma sociedade livre, justa e solidária.
b)      Igualdade entre os povos.
c)      Buscar a integração cultural entre os povos da América Latina.
d)     Repudiar o terrorismo e o racismo.
e)      Todas as respostas anteriores estão corretas.
 
17)  A Constituição originada de órgão composto por representantes do povo eleitos diretamente não pode ser chamada de:
a)      votada.
b)      promulgada.
c)      outorgada.
d)     popular.
e)      democrática.
 
18)  A promoção do bem-estar de todos constitui um dos:
a)      Fundamentos da República.
b)      Objetivos da República.
c)      Princípios de Ordem Internacional.
d)     Princípios de expressão da cidadania.
e)      Postulados básicos do neoliberalismo.
 
19)  Não se configura como função de uma constituição:
a)      Normatizar a constituição do Estado.
b)      Fixar a Capital Federal.
c)      Definir e limitar os Poderes Públicos.
d)     Fundamentar a ordem jurídica da comunidade.
e)      Proteger as liberdades individuais.
 
20)  São de eficácia plena e de aplicabilidade imediata as normas constitucionais:
a)      vedativas e as programáticas.
b)      que confirmam prerrogativas e aquelas que dependem de lei integrativa.
c)      as de princípio programático e as de princípio institutivo.
d)     vedativas e as que confiram imunidades, isenções e prerrogativas.
e)      as de eficácia contida e eficácia limitada.
 
21)  É critério para definir uma norma como formalmente constitucional o fato de que ela:
a)      regulamente a forma de governo adotada.
b)      preveja as espécies de lei que podem existir.
c)      discipline os procedimentos de elaboração legislativa.
d)     preveja o sistema eleitoral.
e)      esteja inserida no texto da Constituição, independente da matéria que trate.
 
22) O poder constituinte derivado de reforma com força para emendar a Constituição da República Federativa do Brasil é:
a)      inicial, incondicional e ilimitado.
b)      soberano, permanente e incondicionado.
c)      secundário, limitado e condicionado.
d)     temporário, autônomo e limitado.
e)      secundário, soberano e permanente.
 
23)  Assinale a alternativa INCORRETA:
a)      O poder constituinte originário é soberano, inicial, ilimitado e incondicional.
b)      A limitação circunstancial ao poder de reforma constitucional inibe que a Constituição Federal seja alterada diante da ocorrência de determinados eventos, como a decretação de intervenção federal, de estado de defesa ou estado de sítio.
c)      Normas constitucionais de eficácia limitada são aquelas que possuem aplicabilidade direta e imediata, com possibilidade, todavia, de terem o seu alcance reduzido por obra do legislador ordinário.
d)     Normas materialmente constitucionais são aquelas que integram a estrutura fundamental do Estado, incluídas ou não no texto constitucional.
e)      O poder derivado está sujeito a limitações quando exerce a função de regulamentar o texto constitucional.
 
24)  Não se configura como princípio de Hermenêutica Constitucional:
a)      Princípio da Supremacia Constitucional.
b)      Princípio da Máxima Efetividade.
c)      Princípio da Harmonização.
d)     Princípio da Legalidade.
e)      Princípio da Unidade Constitucional.
 
25)  A Constituição Federal de 1988, pode ser classificada como:
a)      formal, escrita, flexível, promulgada e analítica.
b)      Sintética, promulgada, rígida e dogmática.
c)      Formal, rígida, analítica e histórica.
d)     Formal, escrita, dogmática, democrática, rígida e analítica.
e)      Material, consuetudinária, semi-flexível e analítica.
 
mercado comum na América do Sul. Sobre o Mercosul, assinale a alternativa incorreta:

A)
É um acordo que regula o livre-comércio entre os países membros e entrou em vigor em 1º de janeiro de 1995.
B)
É um movimento de resistência ao processo de globalização econômica e cultural e tem como objetivo difundir a ideologia bolivariana apregoada por Hugo Chávez.
C)
É um processo de integração econômica regional que objetiva a construção de um mercado comum na América do Sul.
D)
Propõe a eliminação das barreiras tarifárias e não-tarifárias no comércio entre os países membros e a livre circulação de mão-de-obra e de capitais.
E)
É um bloco econômico fundado na década de 1990 por Brasil, Argentina, Uruguai e Paraguai.



Exercício 2: (UFPB 2009)

O MERCOSUL e outros blocos econômico-comerciais, como o PACTO ANDINO, o MERCADO COMUM CENTRO-AMERICANO, o CARICOM (Comunidade do Caribe) e a ALCA (Área de Livre Comércio das Américas), constituem tentativas de integração de alguns países latino-americanos para promover os seus interesses diante do comércio internacional.

Considerando as relações entre o MERCOSUL e outros blocos econômicos, é correto afirmar:

A)
A atual parceria entre o MERCOSUL e a União Européia representa um significativo contrapeso geopolítico ao poderio hegemônico dos Estados Unidos da América.
B)
A aproximação entre o MERCOSUL e a União Européia não é relevante para os EUA, visto que, em 1990, houve um aumento de trocas comerciais entre esse país e o MERCOSUL.
C)
Os subsídios agrícolas, fornecidos pela União Européia aos seus agricultores, au­mentam a possibilidade de competitividade dos produtores rurais do MERCOSUL.
D)
O Produto Nacional Bruto (PNB) do MERCOSUL, entre 1999 e 2001, sofreu considerável redução, devido à desvalorização das moedas do Brasil e da Argentina, apesar do alto crescimento econômico desses países.
E)
As economias latino-americanas são pouco diversificadas, dificultando, assim, um incremento das relações comerciais entre o MERCOSUL, os EUA e a União Européia.



Exercício 3: (UFPB 2008)

(Adaptado) A consolidação do MERCOSUL seguiu a ten­dência mundial de integração das nações com a criação dos blocos econômicos regionais. Ar­gentina, Brasil, Paraguai e Uruguai assinaram, em 1991, o tratado de Assunção, que constituiu o MERCOSUL. Nesse mesmo ano, instalou-se uma zona de livre-comércio, isto é, grande parcela das mercadorias produzidas nesses quatro países podia ser comercializada internamente, sem a cobrança de tarifas de importação. Com base nesse enunciado, identifique a(s) afirmativa(s) verdadeira(s):

1)
O MERCOSUL, formado por dois países emergentes e por outros dois produtores e exportadores de matéria-prima, já apre­senta uma estrutura econômica sólida e definitiva.
2)
Os EUA não têm interesse na consolidação do MERCOSUL, pois isso poderia pôr em risco o projeto ALCA.
4)
A crise econômica da Argentina, em 2001, foi um dos maiores obstáculos, até hoje, para o MERCOSUL, repercutindo negativamente nos países integrantes e ameaçando o futuro do próprio bloco.
8)
O Brasil e a Argentina já tiveram problemas nas discussões relativas aos setores automotivo e sucro-alcooleiro, o que não impediu o avanço em outras negociações dentro do MERCOSUL.
16)
A crise argentina, em 2001, causou acentuada queda do PIB dos países do MERCOSUL, mesmo assim a economia brasileira manteve-se estável, aumentando, consideravelmente, suas exportações para o Uruguai e o Paraguai.

Nenhum comentário:

Postar um comentário